Armênia é vice-campeã do Torneio Internacional de Futebol Feminino

0
0

Torneio realizado na Armênia contou com a participação da Lituânia, Jordânia e Líbano.

A Federação Armênia de Futebol realizou na última semana o Torneio Internacional de Futebol Feminino, torneio amistoso organizado para incentivar o futebol feminino no país e para preparar a seleção armênia para as competições oficiais da UEFA e da FIFA.

A bola começou a rolar na quarta feira, 07, com a Lituânia vencendo a Jordânia por 1 a 0 em Charentsavan. Na quinta feira, 08, a Armênia venceu o Líbano por 2 a 0 em Yerevan.

No sábado, 10, em Yerevan, a Seleção da Lituânia goleou o Líbano por 7 a 1, já a Armênia empatou em 1 a 1 com a Jordânia em Charentsavan.

Com 6 pontos a Lituânia precisava de apenas um empate para ficar com o título enquanto a Armênia precisava vencer por qualquer placar.

Na segunda feira, 12, ocorreu a rodada final do torneio. Em Charentsavan, a Jordânia goleou o Líbano por 6 a 0 e garantiu o terceiro lugar.

Em Yerevan, Armênia e Lituânia fizeram uma partida emocionante. A Lituânia foi para o intervalo vencendo por 1 a 0. A Armênia marcou aos 4 do segundo tempo com Luiza Ghazaryan e as lituanas voltaram  à frente do placar aos 25 minutos. Na marca de 39 do segundo tempo, Nancy Avesyan (de pênalti) empatou o jogo para a Armênia.

A seleção armênia buscou o gol até o último minuto mas não conseguiu virar a partida. Final Armênia 2 x 2 Lituânia.

Com o empate a Lituânia sagrou-se campeã com 7 pontos, a Armênia vice com 5, a Jordânia ficou com terceiro lugar com 4 pontos e o Líbano em quarto com 0.

A seleção de futebol feminino da Armênia foi fundada em 2003 e teve suas atividades paralisadas em 2012 após 28 partidas com apenas 2 vitórias, 3 empates e 23 derrotas, incluindo duas derrotas por 11 a 0 para a Áustria, 10 a 0 para Eslováquia e 11 a 0 para a Dinamarca.

Em 2020 a Federação armênia de Futebol retomou as atividades do futebol feminino, mudou a filosofia de trabalho, organizando amistosos e incentivando a prática do futebol feminino no país com o objetivo de participar de torneios oficias com a Eurocopa e a Copa do Mundo da FIFA.

Jonas Veras Paulistano, pai do Victor. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho, Doutor Palhaço aos finais de semana, torcedor fanático do Ararat Yerevan, fã do SOAD e por consequência da cultura Armênia.

Deixe um comentário