Brasileiros na Armenian Premier League 2020-21

1.00K
1

Número de jogadores brasileiros na primeira divisão armênia diminuiu em relação à temporada 2019-20.

O Campeonato armênio, que na temporada 2019-20 contou com a presença de 14 brasileiros, terá na temporada 2020-21 apenas nove.

O Ararat-Armênia, que não contava com brasileiros na última temporada, recebe agora o lateral direito paulista “Alemão”.

O Ararat Yerevan tinha 7 brasileiros no time na temporada 2019-20 está passando por uma reformulação e dispensou todos os brasileiros. Dois deles foram para o Urartu.

O Alashkert contratou o ponta-direita Perdigão e agora é o clube armênio com mais brasileiros, 4 no total. O Lori manteve o zagueiro Luiz Matheus.

O FC Van contratou o brasileiro Ebert que na última temporada defendeu o Urartu.

Noah, Shirak, Pyunik e Gandzsar atualmente não possuem jogadores brasileiros em seus elencos.

Ararat-Armênia – 1 Brasileiro

Alemão – 27 anos – Lateral Direito
Formado no São Carlos, Alemão tem passagem por diversos times da segunda divisão de Portugal. Seu último clube em terras lusitanas foi o Oliveirense, ele chegou ao Ararat-Armênia no dia 23 de julho de 2020.

Alashkert – 4 Brasileiros

Perdigão – 29 anos – Ponta direita
O ponta-direito Perdigão chegou ao Alashkert no final de julho de 2020 após deixar o Leixões, equipe de Portugal. Ele passou 9 temporadas no futebol português onde passou por algumas equipes da segunda divisão. No Brasil a única equipe onde Perdigão atuou foi o Cianorte do Paraná em 2011.

Tiago Cametá – 28 anos – Lateral Direito
Iniciou sua Carreira no Remo-PA em 2013, mas foi no Ceará que ele disputou mais partidas, 71 no total, jogou também no Brasil de Pelotas e Ponte Preta além de passagens apagadas por Fortaleza, Avaí e Vila Nova. Ele estava sem clube quando foi contratado em julho de 2019 pelo Alashkert onde já disputou 25 jogos em sua primeira experiência fora do futebol brasileiro.

Tiago Galvão – 30 anos – Meia
Formado na base do Paulista de Jundiaí, foi para a Sérvia em 2011 onde passou a maior parte da carreira. Ele também passou pela Moldávia, Portugal e estava jogando em Malta quando foi transferido para o Alashkert em julho de 2019. Ele já disputou 27 partidas, marcou 8 gols e 7 assistências pelo Alashkert sendo um dos destaques da equipe na última temporada.

Bryan – 28 anos – Lateral Esquerdo
Contratado em fevereiro de 2020, Bryan já atuou pelo Cruzeiro, América Mineiro, Ponte Preta e Ceará, além de uma curta passagem pelo Benfica de Portugal. Ele disputou 11 partidas, marcou um gol e três assistências pelo Alashkert.

Urartu – 2 Brasileiros

James – 25 anos – Lateral Esquerdo.
Após uma temporada no Ararat Yerevan, James foi transferido para o Urartu na janela de transferências de julho de 2020. Formado na base do Bragantino, não se firmou no futebol brasileiro e após passar por times do nordeste ele foi transferido do Campinense-PB ao Ararat-Yerevan em agosto de 2019 onde fez 13 partidas.

Vitinho – 22 anos -Meia
Outro jogador transferido do Ararat Yerevan para o Urartu em 2020 é o meia Vitinho. Após sair do Novorizontino, seu clube formador, ele foi transferido para o Ararat Yerevan em setembro de 2019 onde atuou por apenas 13 partidas.

Lori  – 1 Brasileiro

Luiz Matheus – Zagueiro – 27 anos
Em sua primeira experiência internacional, o zagueiro Luiz Matheus chegou ao Lori na janela de transferências de julho de 2019. Formado na equipe do Avaí, passou pelas equipes paulistas do Santo André, Taubaté e Batatais. Ele estava sem clube desde outubro de 2018.

Van – 1 Brasileiro

Ebert, 27 anos – Lateral Esquerdo
Recém-chegado ao Van, Ebert já jogou no Internacional-RS e teve passagens pela Bulgária e Ucrânia, na temporada, 2019-20 ele atuou pelo Urartu.

Jonas Veras Paulistano, pai do Victor. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho, Doutor Palhaço aos finais de semana, torcedor fanático do Ararat Yerevan, fã do SOAD e por consequência da cultura Armênia.

Comment(1)

Deixe um comentário