Alashkert é tetra-campeão da Liga Armênia de futebol

0
0

Equipe chega ao quarto título da Armenian Premier League

O Alashkert, dos brasileiros Tiago Cametá e Thiago Galvão, conquistou o campeonato armênio de futebol após vencer o Ararat-Armênia por um a zero na última sexta, 28 de maio.

Em 24 partidas, o Alashkert venceu 13, empatou 7 e foi derrotado 4 vezes. A conquista veio após uma sequência de quatro vitórias consecutivas nas últimas rodadas que coincidiram com as duas derrotas seguidas do Noah que liderou o torneio até a penúltima rodada. O Alashkert assumiu a liderança na última terça-feira após vencer o Ararat Yerevan por 1 a 0 em partida valida pela 3ª rodada que havia sido adiada devido aos conflitos em Artsakh.

Na última rodada, o Alashkert dependia apenas de um empate ficar com o título já que estava dois pontos a frente do vice-líder Noah, que ainda tinha chances de título.

Todos os jogos da última rodada foram disputados simultaneamente. O Noah abriu o placar contra o Van mas tomou a virada e foi derrotado por 2 a 1. Já o Alashkert garantiu o título com um gol de Boljevic e venceu o Ararat-Armenia por 1 a 0.

Esta é o quarto título da liga armênia do Alashkert, a equipe conquistou o campeonato nas temporadas de 2015-16, 2016-17, 2017-18, 2020-21 e tornou-se a segunda maior campeã do torneio empatada com o Shirak e atrás apenas do Pyunik que tem 14 conquistas.

Com o título, o Alashkert garante vaga na fase preliminar da UEFA Champions League 2021-22 e caso seja eliminada precocemente garante vaga para a UEFA Europa League.

O vice-campeão Noah e o Urartu, terceiro colocado, garantiram vaga para a fase preliminar da UEFA Europa League.

Os homônimos Ararat Yerevan e  Ararat Armênia terminaram o campeonato em quarto e quinto respectivamente. O Ararat Yerevan garantiu vaga na fase preliminar da UEFA Europa League pois foi campeão da Armenian Cup,

Estreante no torneio, o Van garantiu a sexta colocação, seguido do poderoso Pyunik em sétimo.

O Lori não disputou o final do campeonato, a equipe não concordou com decisões da arbitragem ao longo do torneio e optou por não jogar as últimas partidas, perdendo por WO. Ainda assim garantiu o oitavo lugar.

Em nono lugar, o Shirak disputará uma partida de playoff contra o Sevan campeão da Armenia First League (segunda divisão). O vencedor disputará a primeira divisão em 2021-22 e o derrotado disputará a segunda divisão.

O Gandzasar abandonou o torneio nas primeiras rodadas devido à problemas financeiros causados pela guerra de Artsakh e pela pandemia do novo coronavírus. A equipe foi automaticamente rebaixada para a segunda divisão, porém ainda não se manifestou se terá condições de disputar o campeonato.

Jonas Veras Paulistano, pai do Victor. Formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho, Doutor Palhaço aos finais de semana, torcedor fanático do Ararat Yerevan, fã do SOAD e por consequência da cultura Armênia.

Deixe um comentário