Home Artsakh Artsakh se prepara para eleições nesta terça, 31 de Março

Artsakh se prepara para eleições nesta terça, 31 de Março

0
0

hetq

A Comissão Central de Eleições de Artsakh (CEC) anunciou que as eleições agendadas para 31 de março para presidente e 33 membros do parlamento ocorrerão conforme o planejado, embora com algumas mudanças devido à necessidade de garantir a segurança da saúde pública, devido à disseminação do novo coronavírus CoViD-19.

O CEC diz que pediu aos candidatos que se abstenham de organizar grandes eventos de campanha e que as reuniões das comissões eleitorais centrais e territoriais sejam realizadas principalmente mediante solicitação.

A CEC também convidou candidatos e representantes de partidos políticos a se comunicarem pela Internet e informou que os seminários-reuniões previamente planejados pelos funcionários do CEC em todas as regiões do país e em Stepanakert com representantes das comissões eleitorais serão cancelados.

O governo de Artsakh diz que nenhum caso do COVID-19 foi confirmado no país até o momento.

O atual presidente Bako Sahakyan à direita

O atual presidente de Artsakh (antiga Nagorno-Karabakh) é Bako Sahakyan (sem partido), que é o terceiro presidente eleito do país. Sahakyan se elegeu em 2007 e em 2012 conquistou a reeleição.

As eleições presidenciais foram inicialmente agendadas para votação popular em 2017, cinco anos após as eleições de 2012. No entanto, após um referendo constitucional em 2017, o país passou de um sistema semi-presidencialista para um sistema presidencialista. Como resultado, nas eleições presidenciais de 2017, a Assembléia Nacional reelegeu Bako Sahakyan como Presidente pelos três anos seguintes até a eleição geral.

O sistema de votação é similar ao do Brasil, em dois turnos. Se o candidato obtiver mais de 50% dos votos no primeiro turno é automaticamente eleito.

Os candidatos para esta eleição são:
• Arayik Harutyunyan, conselheiro do presidente, ex-primeiro ministro e ministro de Estado
• Masis Mayilyan, atual Ministro dos Negócios Estrangeiros
• Vitaly Balasanyan, ex-secretário do Conselho de Segurança Nacional de Artsakh
• Ashot Ghoulyan, atual líder do Partido Democrático de Artsakh

O atual presidente declarou que não concorrerá nas eleições.

Deixe um comentário