Home Eventos Armênios de São Paulo realizaram manifestação pacífica na Avenida Paulista

Armênios de São Paulo realizaram manifestação pacífica na Avenida Paulista

0
0

Dando continuidade à série de eventos para rememoração dos 97 anos do genocídio Armênio que se completa neste ano, na tarde deste sábado a comunidade Armênia do Brasil compareceu à Avenida Paulista para o protesto pacífico programado para as 15 horas.

Apesar da previsão de chuva para o dia todo na cidade, a comunidade atendeu ao chamado das entidades Armênias e compareceu com cerca de 300 pessoas. Crianças, jovens e pessoas de todas as idades vestidos com camisetas pretas e munidos de banners e bandeiras da Armênia distribuíram cerca de 10 mil folhetos explicativos sobre o genocídio sofrido pelo povo Armênio em 1915.

Esta é a sexta vez que a Avenida Paulista é palco de concentração dos Armênios. A adesão dos membros da coletividade Armênia de São Paulo à manifestação deste ano foi bastante comemorada por todos. O Ato pacífico terminou por volta das 16h30, em frente ao tradicional prédio da gazeta, aonde os presentes cantaram, em uníssono, músicas patrióticas Armênias.

Mais tarde, às 19 horas, o Jornal da Gazeta veiculou reportagem com imagens da manifestação na qual também afirmou, categoricamente, que o povo Armênio sofrera um genocídio há 97 anos atrás.

(Assista ao vídeo da reportagem abaixo)

Após o ato na Avenida Paulista, boa parte do grupo seguiu rumo ao Clube Armênio para participar do fogo de conselho promovido pela Juventude Sama, com a ajuda do grupo escoteiro Sardarabad, aonde foram lidos alguns textos e poemas além da realização de esquetes. Alguns vídeos sobre armenidade também foram exibidos. O professor de música Felipe Mavichian agraciou a todos ao tocar numa guitarra no melhor estilo metal a música sacra Der Voghormea, que deixou a todos presentes bastante emocionados.

Ao final, todos seguiram para suas casas com o sentimento de dever cumprido em partes, pois no domingo haverá missa em homenagem aos mártires Armênios nas igrejas Armênias seguido de ato cívico no monumento em memória das vítimas do genocídio localizado na Praça Armênia, na Avenida Santos Dumont.

Na segunda feira (23) haverá ato solene na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, à partir das 20h, no auditório Paulo Kobayashi. Para terça feira, dia 24 de abril, está programada uma concentração pacífica de armênios na frente do consulado da Turquia em São Paulopara a entrega de carta protesto ao cônsul turco em São Paulo.

Veja mais fotos:
         

          

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *