Home Esportes MMA: Aline Bak entrevista o armênio-holandes Gegard Mousasi
0

MMA: Aline Bak entrevista o armênio-holandes Gegard Mousasi

0

52efa0c38f4b8_81f6bad218617cf06763cd1e4c5b11ccO lutador armênio-holandês Gegard Mousasi, falou com exclusividade para Aline Bak (do Olhar do fã no MMA) sobre seus objetivos, seus fãs armênios e sobre a sua próxima luta contra Lyoto Machida (em 15 de fevereiro, na cidade de Jaraguá do Sul, em Santa Catarina).

Confira: 

Como está a sua preparação para a luta contra o Machida?
Gegard: Estamos indo muito bem. Estou me sentindo ótimo, sem lesões e agora apenas trabalhando nessa última parte do camp que são os detalhes.

Quais são suas expectativas para essa luta contra o Lyoto?

Gegard: Eu espero vencer. Sei que será uma luta difícil pra mim, pois ele tem um jogo de luta que é bastante diferente do meu. Mas espero vencer.

Você já deve ter ouvido falar sobre a torcida brasileira, que canta e faz bastante barulho na arena. O que espera sobre isso?

Gegard: É o que é, e eu não estou preocupado com isso.

Lyoto é um lutador mais defensivo, até mesmo o Phil Davis comentou isso antes de lutar contra ele, como pretende bloquear o jogo dele?

Gegard: Eu pretendo, não entrar no jogo dele. Tenho que ser inteligente e lutar de forma estratégica.

Em sua carreira no MMA, você já lutou contra ótimos lutadores como Babalu, Ronaldo Jacaré, inclusive já ganhou o cinturão do Strikeforce, qual é a leitura de carreira até agora?

Gegard: Eu espero agora ter o título do UFC pois se isso acontecer, eu terei alcançado tudo o que eu sonhei desde o começo da minha carreira.

Fedor Emilianenko é uma lenda no MMA. Fale sobre o seu relacionamento com ele e nos seus treinos.

Gegard: O Fedor além de ter sido um dos melhores lutadores de todos os tempos, é também uma ótima pessoa. Nós treinamos juntos algumas vezes e aprendo muito cada vez que treino com ele.

Como você vê os lutadores armênios no MMA?

Gegard: Nós temos ótimos lutadores e fico satisfeito por representar minhas origens e fazer os fãs felizes.

Próximos objetivos?

Gegard: Eu espero ter uma chance para disputar o cinturão se eu vencer o Lyoto.

Mande uma mensagem aos fãs brasileiros.

Gegard: Eu espero fazer uma boa luta para vocês e que os fãs se divirtam.

Como se sente representando a Armênia em suas lutas?

Gegard: Eu fico muito feliz que os fãs armênios ficam satisfeitos com as minhas vitórias.

Os lutadores armênios tem um algo a mais, nosso povo ama lutar, você acha que isso é um “a mais” para você derrotar seus oponentes?

Gegard: Eu luto sempre para vencer, acho sim que isso pode ser um plus a mais pois quando vejo os fãs armênios felizes me serve como combustível para querer sempre vencer.

 

 

 

Aline BakAline Baktchejian Djehdian é colunista/repórter armênia do Brasil. Ela desenvolve um trabalho na mídia internacional, o “The MMA Corner”, e mantém o seu site “O olhar do Fã no MMA”, onde ela produz matérias, textos e entrevistas com lutadores. 

Escreve ocasionalmente para a Revista Tatame e o site Primeiro Round, além de ser a Responsável pelos posts de lutas para a Fan Page da Academia Needs, em Moema (SP), local de treino dos atletas Daniel Sarafian e Demian Maia.

Você pode acompanhar mais do trabalho da Aline nos links abaixo:

www.facebook.com.br/alinebakmma
www.themmacorner.com
E no twitter: @alinebak

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *