Home Da Redação Décima edição do Festival de Cinema “Golden Apricot” tem início em Yerevan

Décima edição do Festival de Cinema “Golden Apricot” tem início em Yerevan

0

10 apricot de ouroEntre os dias 7 e 14 de julho acontece a 10ª edição do Festival Internacional de Cinema Golden Apricot (Damasco de Ouro). Criado em 2004, o festival é realizado anualmente em Yerevan, capital da Armênia, e premia filmes em 11 categorias diferentes.

A organização do festival conta com o diretor de cinema Harutyun Khachatryan, além dos críticos Mikayel Stamboltsyan e Susanna Harutyunyan. O internacionalmente aclamado diretor canadense de origem armênia, Atom Egoyan, foi nomeado presidente do festival em 2005.

Este ano o festival recebeu cerca de 1.100 candidaturas de 94 países. O aumento de 67 países candidatos em relação ao ano passado é uma evidência ao crescente interesse do mundo no festival. O célebre diretor húngaro, Istvan Sabo, vai chefiar o júri do concurso internacional de longa-metragem. A competição dos documentários internacionais será dirigido por Sergei Loznitsa.

Em 2012, o documentário Rapsódia Armênia, dirigido pelos paulistanos Cassiana Der Harutiinian, Gary e Cesar Gananian, venceu os prêmios de “melhor documentário Armênio” e também o prêmio do “British Council Award”.

Em conversa por e-mail com Gary Gananian, o diretor contou um pouco sobre a importância do festival: “Foi muito importante vencer os prêmios já que nos anos anteriores os vencedores eram da Armênia. Foi uma enorme satisfação vencer dois prêmios, pois queríamos saber a recepção que o filme teria no país que lhe dá nome, imagem e som.”

Ainda segundo Gary, o clima no evento é de muita festividade. “O dia todo acontecem eventos espalhados pela cidade como shows, estreias, exibições especiais e festas. O fato de ser durante o verão contribui para o clima de festividade. Vemos muita gente na rua e os eventos estão sempre cheios. É um festival que ganha cada vez mais importância e já teve a participação de grandes convidados como Wim Wenders e este ano conta com a presença do cantor franco-armênio Charles Aznavour.”.

Armen Kevork Pamboukdjian Editor-chefe e redator do Estação Armênia. Nascido na capital Paulista, é formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho, em skate pela faculdade das ruas e em causa armênia pela universidade da luta e resistência.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *