Home Da Redação Serj Tankian pede que presidente armênio responda suas perguntas com objetividade

Serj Tankian pede que presidente armênio responda suas perguntas com objetividade

imagem: photolure

Em uma troca contínua de cartas abertas, o vocalista da banda System of a Down Serj Tankian deu mais uma mostra legítima do seu ativismo e pediu que o presidente da Armênia Serzh Sargsyan responda as perguntas de sua carta anterior com mais objetividade.

 

Segue abaixo a tradução da última mensagem do roqueiro ao presidente armênio:

 

“Caro Sr. Presidente.

Estou honrado por você ter respondido a minha carta. 

Eu realmente não esperava uma resposta, dada às duras críticas que me transmitiu. 

O fato de você ter feito isso é encorajador. Mas com respeito, você não respondeu nenhuma das minhas perguntas, nem nenhuma das questões abordadas diretamente na minha carta. 

Eu acho que você tem feito um grande trabalho ao assegurar as fronteiras da Armênia ao lidar com a situação extremamente sensível e difícil apresentada pela realidades do pós guerra de Karabakh.  

Se você se recorda, eu lhe disse pessoalmente e elogiei os seus esforços nesse sentido.

Dito isso, a segurança não pode ser o bode expiatório para difundir a atenção das desigualdades e injustiças em nossa pátria. 

Republicanos nos EUA têm feito isso demais para as eleições e parece que ninguém compra mais.  

Eu também me sinto responsável por aquilo que deixamos para as futuras gerações.  

Esta é a razão por eu estar me expressando, de se envolver com a mineração e o abuso ambiental na Armênia (Teghut) e incentivar mais os subsídios agrícolas para tornar a nossa nação mais auto-suficiente.  

Cidadãos de toda a Armênia estão protestando contra o resultado das eleições e da injustiça inerente à política de estabelecimento. Por favor, ouça as suas queixas.

Ouça os estudantes em greve e não deixe que as escolas ou a polícia cale as suas vozes em nossa democracia. Eles são o futuro da Armênia depois de tudo. 

A Corrupção, a injustiça, a emigração, a ilegalidade e as eleições falsificadas. Esses males têm esvaziado o nosso país de seus cidadão mais do que minas e bombas. 

O que você vai fazer com eles?  

Vai reformar o sistema?  

Caro Senhor Presidente, por favor, institua o estado de direito de uma vez por todas para que as pessoas sintam-se respeitadas aos olhos da lei e dos tribunais. A Constituição e as leis da Armênia  são boas. É a sua execução que está faltando. Estamos todos cansados ​​de ouvir sobre os investidores que se afastaram, tiveram roubados seus investimentos na Armênia, da pressão política usada para ganho pessoal, da manipulação da mídia e da consolidação por meios políticos, da injustiça nos tribunais, e assim por diante.  

A maioria das pessoas sente que será necessária uma mudança geracional para alterar a cultura política na Armênia, para nos livrar da corrupção explícita e do abuso. 

Você pode fazer isso acontecer agora!  

Em sua carta, você reconheceu a necessidade da mudança e parece sugerir que você está disposto a tomar substantivos passos neste sentido, de modo que não temos que esperar mais 20 anos para chegarmos à verdadeira liberdade.  

Para isso, seu povo estará eternamente grato Serzh.

Uma nação justa é uma nação forte, onde as pessoas não tem apenas orgulho da sua história, mas também de seu presente. 

Concordo que devemos trabalhar todos juntos para um futuro melhor para a Armênia. 

Agradeço os votos calorosos ao meu pai. Eu também envio meus cumprimentos e amor para sua família e espero encontrar o seu neto Serj algum dia. 

Paz, Serj Tankian “.

Tradução: Armen Pamboukdjian

Armen Kevork Pamboukdjian Jornalista de formação, é editor-chefe do site Estação Armênia.

Deixe um comentário