Da RedaçãoGenocídio Armênio

Parlamento Europeu reafirma: reconhecimento do Genocídio Armênio é pré-condição para adesão da Turquia na U.E

Via Asbarez –

(Berlim) – O Presidente do Parlamento Europeu Martin Shultz anunciou na segunda-feira que a integração da Turquia a Europa está pré-condicionada ao reconhecimento do genocídio armênio, reiterando a decisão tomada pelo corpo de 1987.

“A Turquia deve reconhecer o genocídio armênio e isto será considerado um pré-requisito para entrar na União Europeia”, disse Shultz. Suas declarações foram publicadas no site oficial do partido do qual faz parte, um Partido de Esquerda na Alemanha, que também saudou a posição. Shultz disse que a Turquia deve enfrentar sua história.

O líder do Parlamento Europeu fez a declaração durante uma reunião com o Ministro de Integração Europeia da Turquia Egemen Bagis, que, durante uma conferência de imprensa, se recusou a responder a perguntas relativas ao anúncio e os comentários que ele fez no início deste ano, na Suíça, efetivamente negando o genocídio armênio.

O Presidente do Parlamento Europeu Martin Shultz confirmou a pré-condição na reunião com o Ministro de Estado turco. Ademais, eles discutiram o papel oficial da Turquia na Síria, as questões de visto e eventual adesão do país na União Europeia.

Tradução: Michelle Mekhalian

Matérias Relacionadas
Eventos

Novo documentário de Gary Gananian sobre Artsakh será exibido em São Paulo

Gary Gananian, um dos diretores de Rapsódia Armênia, acaba de lançar um novo documentário…
Leia mais
Genocídio Armênio

Mississippi reconhece o Genocídio Armênio

Fontes : ArmRadio O Mississippi tornou-se o 50º estado dos EUA a…
Leia mais
Cultura

'Cantos de um Livro Sagrado' vence festival É Tudo Verdade

O documentário Cantos de um Livro Sagrado, de Cassiana Der Haroutiounian e Cesar Gananian, venceu a…
Leia mais

Deixe um comentário