Da RedaçãoGenocídio ArmênioTudo

Políticos russos usam a causa armênia para pressionar Turquia

Com informações do Today’s Zaman e Asbarez

russia-zhirinovskyUm dia depois da Força Aérea Turca derrubar dois caças russos na fronteira da Turquia com a Síria, parlamentares russos pressionam Erdogan citando pautas da causa armênia que causam desconforto em Ancara.

No dia 25 de novembro, o parlamentar Sergei Mironov disse por meio da sua conta no twitter que o seu partido, o oposicionista “apenas Rússia”, apresentaria a Duma um projeto de lei que penalizaria aqueles que negassem o genocídio armênio naquele país.

Poucas horas depois, o líder do Partido Democrático Liberal Vladimir Zhirinovsky afirmou, em um programa de TV, que a Armênia deveria “libertar seus territórios ocidentais”, numa referência a porção leste da atual República da Turquia. De acordo com o político, os armênios poderiam tê-lo feito em 1918 se tivesse apoio russo, que, à época, preferiu um acordo com os turcos. Zhirinovsky disse ainda que os curdos também merecem apoio e que, em sua opinião, deveria existir o Curdistão independente e uma “Grande Armênia”.

O projeto de lei propõe uma multa de até 500.000 rublos (mais de R$ 25.000) por qualquer negação do genocídio.

Matérias Relacionadas
Da Redação

Presidente armênio Armen Sarkissian renuncia por falta de influência

Fontes : Daily Sabah, ArmenPress, PanArmenian, President.am O presidente…
Leia mais
Da RedaçãoTudo

Hrant Dink: Há 15 anos, jornalista armênio era assassinado na Turquia

No dia 19 de janeiro de 2007, em Istambul, na Turquia, o jornalista turco de origem armênia Hrant…
Leia mais
Da Redação

Declaração do Comitê da FRA sobre a normalização das relações entre a Armênia e a Turquia e a resolução do conflito de Artsakh

Fontes : CNA Argentina A Federação Revolucionária Armênia tem…
Leia mais

Deixe um comentário