Da RedaçãoGenocídio ArmênioTudo

Fundação distribui material sobre genocídio em escolas de Buenos Aires

A Fundação Luisa Hairabedian distribuiu em escolas de Ensino Médio da cidade de Buenos Aires folhetos explicativos sobre o genocídio armênio, que completou 98 anos ontem, 24/04.

Após uma apresentação feita na Feira do Livro, foram distribuídas nas escolas portenhas os folhetos, cujas páginas buscavam “refletir sobre esse crime e a possibilidade que ante a sua impunidade prevaleça a justiça e a verdade”, afirmaram os responsáveis pela iniciativa.

A Fundação explicou que buscam abordar a problemática com “uma perspectiva de Direitos Humanos, com o propósito de fornecer ferramentas para uma primeira abordagem no Ensino Médio, assim como elementos para continuar o aprofundamento nas pesquisas e estudos, sem motivações nacionalistas, vingativas e revanchistas”.

O genocídio armênio (1915-1923), no qual morreram 1,5 milhão de pessoas a mando do governo dos chamados “Jovens Turcos” do Império Otomano (atual República da Turquia), constitui um crime impune até os dias de hoje.

A Fundação Luisa Hairabedian, criada em 2005, é uma organização sem fins lucrativos que promove o exercício efetivo dos direitos humanos e a prevenção de genocídios por meio de ações judiciais, programas culturais, educativos e acadêmicos.

Matérias Relacionadas
Da Redação

Presidente armênio Armen Sarkissian renuncia por falta de influência

Fontes : Daily Sabah, ArmenPress, PanArmenian, President.am O presidente…
Leia mais
Da RedaçãoTudo

Hrant Dink: Há 15 anos, jornalista armênio era assassinado na Turquia

No dia 19 de janeiro de 2007, em Istambul, na Turquia, o jornalista turco de origem armênia Hrant…
Leia mais
Da Redação

Declaração do Comitê da FRA sobre a normalização das relações entre a Armênia e a Turquia e a resolução do conflito de Artsakh

Fontes : CNA Argentina A Federação Revolucionária Armênia tem…
Leia mais

Deixe um comentário