Home Da Redação Última aldeia armênia na Turquia pode perder seu status
1

Última aldeia armênia na Turquia pode perder seu status

1

Via ArmeniaNow

Um recente projeto de lei que reestrutura a municipalidade das fronteiras irá afetar o status especial da única aldeia povoada apenas com armênios na Turquia.  Localizada no sul da província de Hatay,a aldeia de Vakifli, que tem um total de 135 moradores, perderá seu status “especial” com a nova lei. 

Em declaração ao jornal turco Hürriyet Daily, o líder da comunida de Vakifli Cem Capar disse que a sobrevivência da aldeia era muito importante para imagem da Turquia. “Esperamos que nossos direitos sejam preservados, de acordo com a lei”, disse Capar. 

“A nova lei propõe que aldeias e vilarejos nos municípios metropolitanos sejam transformados em distritos. Isto significa que Vakifli perderá seu status de vilarejo, por isso vamos deixar de ser a única aldeia armênia da Turquia”.  

Após um período de transição política que existia formalmente entre 1938 e 1939, Hatay foi anexada à Turquia em um referendo de 1939. 

“Hatay juntou-se a Turquia em1939. Durante esse tempo, uma lei que impede os estrangeiros de entrar Vakifli entrou em vigor. Ficaríamos muito satisfeitos se Vakifli estivesse protegida por uma lei semelhante hoje. Caso contrário, a aldeia não vai sobreviver muito tempo. Desapareceria como muitas vilas armênias e bairros que desapareceram na Anatólia. Isso também nos afeta economicamente como nossos jardins e as vinhas que serão retiradas”, disse Capar.  

O orador do governador de Hatay, Raif Harputoglu, disse ao Hurriyet que não haviam restrições sobre pessoa não-armênias  interessadas em residir na aldeia. “Nenhuma restrição é feita em relação à residência, qualquer um poderia se estabelecer lá como bem quisesse. Mas até agora tal iniciativa não foi feita”.  

Vakifli é uma aldeia importante, já que é uma aldeiade tolerância, apesar de todas as crises entre a Turquia e a Armênia “.

Comment(1)

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *