Home Da Redação Ministro Nalbandian e delegação representam a Armênia na Cúpula RIO + 20

Ministro Nalbandian e delegação representam a Armênia na Cúpula RIO + 20

0

Fonte – Consulado Geral honorário da República da Armênia em São Paulo.

Na cúpula internacional dedicada ao desenvolvimento sustentável e proteção do meio ambiente (Rio+20), realizada no Rio de Janeiro desde a semana passada até 22 deste mês, a Armênia foi representada pelo ministro das Relações Exteriores, Edward Nalbandian, que esteve liderando uma delegação de 15 pessoas. O ministro chegou ao Rio na tarde do dia 19 de junho e foi recepcionado pelo embaixador extraordinário e plenipotenciário da República da Armênia no Brasil, Achot Yeghiazarian.

No dia 20, durante sessão com a presença de diversos chefes de estado, representantes dos governos presentes e outras personalidades, Nalbandian proferiu um discurso onde citou os passos adotados pela Armênia nas esferas de desenvolvimento sustentável e a proteção ambiental, sem deixar de frisar sobre os obstáculos criados principalmente pelo vizinho Azerbaijão, cujas altas autoridades mantêm suas constantes declarações beligerantes e gastam seus recursos provenientes da venda dos recursos naturais com aumento abusivo do seu poderio militar, fato que desestabiliza e traz sério perigo à estabilidade e desenvolvimento da região ao sul do Cáucaso.

Nalbandian disse que “uma parte importante da Declaração do Milênio foi dedicada para a mútua conexão segurança e estabilidade. Os governos assumiram o compromisso de não medir esforços para livrar os povos da tragédia da guerra. Lamentavelmente, a nossa região não está imune desse perigo hoje”, disse o ministro, acrescentando: “Hoje, somos testemunhos oculares do crescimento sem precedentes do orçamento militar do vizinho Azerbaijão, e a postura adotada pelas mais altas autoridades daquele país representa uma real ameaça à segurança, estabilidade e o desenvolvimento da nossa região”.

À margem dos trabalhos do Rio+20, o ministro Edward Nalbandian manteve diversos contatos com várias autoridades e outros chanceleres estrangeiros presentes.

O chanceler da Armênia e sua comitiva retornaram à Armênia na tarde do dia 22 de junho.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *