Home Da Redação Governador de Michigan assina lei que obriga o ensino do Genocídio Armênio em escolas públicas do estado

Governador de Michigan assina lei que obriga o ensino do Genocídio Armênio em escolas públicas do estado

0
IMG_8180
Governador do estado de Michigan, Rick Snyder, assina a lei HB4493 determinando o ensino do Genocídio Armênio, Holocausto e outros genocídios nas escolas públicas de Michigan.

O Governador do Estado de Michigan (EUA), Rick Snyder, assinou a lei que determina o ensino do Genocídio Armênio e outros genocídios nas escolas públicas do estado.

Em 14 de junho o Governador já havia assinado o projeto que agora passa a valer com força de lei.


  • Via Asbarez
  • Tradução: Maria Carolina Chaves Indjaian

Governador de Michigan Rick Snyder assina lei que obriga o ensino do Genocídio Armênio em escolas públicas do estado

Representante Klint Kesto: “devemos fazer todos os esforços para garantir que a História do Genocídio seja ensinada à nossa Juventude”.

FARMINGTON HILLS, Michigan – Na segunda-feira, 27 de junho, o governador de Michigan Rick Snyder assinou na lei HB4493 a obrigatoriedade do ensino do Genocídio Armênio, do Holocausto, bem como de outros genocídios nas escolas públicas de Michigan. Esta nova lei recomenda um total de 6 horas dedicadas ao ensino de genocídios em algum ponto dentro Grades 8-12.

Tanto a comunidade armênia como a judaica do sudeste de Michigan juntaram esforços para avançar o projeto de lei.

A assinatura oficial desta lei teve lugar no Centro Memorial do Holocausto em Farmington Hills. Vários membros estiveram presentes desde o Comitê Nacional Armênio (ANC) de Michigan, que foram fundamentais, incluindo Lara Nercessian (presidente), Raffi Ourlian, Ara Topouzian, Hayg Oshagan, Helena Bardakjian, Shant Jamgotchian, Toros Chopjian, Ani Attar, e Hovig Kouyoumdjian.

O Comitê Nacional Armênio de Michigan trabalhou ao lado da Comissão de Educação do Genocídio Armênio, liderado por Edward Haroutunian. Outros membros da comissão incluindo Gregory Dildilian, Padre Hrant Kevorkian, e Padre Shant Barsoumian.

“Este é um dia extremamente importante para os nossos antepassados. Depois de mais de cem anos, as crianças em Michigan irão aprender sobre todas as formas de genocídio, como o Genocídio Armênio e Holocausto judeu. Eles dizem que a história pode se repetir, se nós não aprendermos com ela. Esperamos que as crianças do futuro aprendam e compreendam de modo a nunca ver tais crimes violentos contra a humanidade novamente”, disse Nercessian.

HB4493 é co- patrocinado pelo Representante Klint Kesto (Mich. -39), um amigo de longa data do Comitê Nacional Armênio de Michigan. Em abril de 2015, ele co-patrocinou a resolução da Câmara (HR- 61) em comemoração ao Centenário do Genocídio Armênio. “Foi uma honra trabalhar com as comunidades judaica e armênia à medida que avançávamos nesta legislação. Em um momento em que o genocídio está ocorrendo agora no Oriente Médio, devemos fazer todos os esforços para garantir que seja ensinado aos nossos jovens a história do genocídio, para que eles possam compreender o mundo em torno deles, e ter as habilidades para prevenir futuros genocídios”, disse Kesto.

O Governador Snyder irá nomear 15 membros para um painel de educação do genocídio, que também é exigido por esta nova lei.

Maria Carolina Chaves Indjaian Colaboradora. Carioca da gema que viveu em Curitiba desde criança e agora mora em Toronto. É advogada, formada em Direito pela Universidade Positivo e aficcionada por Direitos Humanos. O coração e o sangue sempre falam mais alto no que diz respeito à Armênia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *