Home Eventos FRA relembra Khanassor, Lisbon e Sèvres com Herissé no SAMA, em 2 de agosto
0

FRA relembra Khanassor, Lisbon e Sèvres com Herissé no SAMA, em 2 de agosto

0

detsa cópia

No dia 02 de agosto de 2014, a Associação Cultural Armênia de São Paulo (ACASP – Ho.Hi.Ta – Tro) realiza evento em comemoração à três  importantes datas para todos os armênios.

A festa irá rememorar os 117 anos da “Incursão de Khanassor” (Khanassori Archavank), além dos 31 anos do ato dos 5 heróis de Lisboa (Lisbon 5), bem como os 94 anos da assinatura do Tratado de Sèvres.

O evento terá início às 20:30 horas, no salão térreo do Clube Armênio/SAMA, quando será servido um tradicional e saboroso Herissé* armênio, além de apresentação de atividades culturais.

A entrada custa 35 reais e crianças menores de 10 anos não pagam.

Serviço:

Data: 02 de agosto de 2014, Sábado.
Horário: 20h30
Local: SAMA Clube Armênio.
Endereço: Av. Professor Ascendino Reis, 1450 – São Paulo/ SP

 *Herissé

Segundo a definição no site Cozinha Armênia, de Myrna Kouyomdjian, quer dizer carne ou galinha cozida com cevada em aveia como consistência, e é um prato típico de inverno.


 

Saiba mais sobre cada uma das comemorações, abaixo:

 

25 de julho de 1897  –  116° Aniversário da Incursão de Khanassor. 

A incursão (ou expedição) de Khanassor foi um ataque perpetrado por um grupo de “Fedayis” (soldados voluntários) armênios contra a tribo curda “Mazrig”, no dia 25 de julho de 1897. A ação foi decidida e organizada pela Federação Revolucionária Armênia – Tashnagtsutiun.  Clique aqui e leia mais sobre Khanassor! 

 

10 de agosto de 1920  – 93° Aniversário da assinatura do Tratado de Sèvres  

Tratado de Sèvres foi assinado no dia 10 de agosto de 1920 em Sèvres (cercanias de Par¡s), entre o governo do sultanato (otomano) da Turquia e os estados aliados vencedores na primeira guerra mundial – 1914 a 1918 (Grã-Bretanha, França, Itália, Japão, Bélgica, Grécia, Polônia, Portugal, Romênia, Armênia, Checoslováquia, reino servo-croata, Hedjaz).

Avedis Aharonian assinou o Tratado em nome da República da Armênia. Aharonian e o dirigente da delegação Nacional dos armênios do Ocidente, Boghos Nubar, firmaram com os principais estados aliados um documento complementar, alusivo aos direitos das minorias nacionais, as relações diplomáticas e comerciais. Clique aqui e leia mais sobre Sèvres!

 

27 de julho de 1983 – 30° Aniversário da façanha de Lisboa 

Já se passaram 31 anos do sacrifício de Sarkis Aprahamian, Setrak Adjemían, Vatché Daghlian, Ará Kelechian e Simon Yavneian.

Cinco jovens valentes cerraram seus olhos para que os olhos recém abertos das novas geraçõs veem e os corações se fortaleçam com a pátria libertada. Aquilo foi uma operação à qua podemos chamar de patriotismo, autossacrifício e total ded¡cação. Sim, ele dedicaram o mais valioso, a própría vida, porque acreditavam que sem a pátria, sem nossas terras, não pode haver vida nem futuro. Clique aqui e leia mais sobre o Lisbon 5! 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *