Home Da Redação Conhecido escritor francês defende a lei contra o negacionismo em importante artigo

Conhecido escritor francês defende a lei contra o negacionismo em importante artigo

0

Em um importante artigo no Huffington Post, jornal virtual norte-americano onde inclusive escreve o Presidente Barack Obama (www.huffingtonpost.com), o escritor e acadêmico francês Bernard-Henri Levy explicou e defendeu o projeto de lei recentemente aprovado no Parlamento francês que criminaliza a negação do genocídio armênio. Segundo a agência France Press essa lei pode ser votada no senado ainda este mês e sobre isso diz Bernard-Henri Levy:

“A lei, cujo objetivo é penalizar o revisionismo negacionista, não propõe escrever a história no lugar dos historiadores, pela simples razão de que esta história tem sido contada e escrita e bem escrita por sinal, por um longo tempo “.

Continua o intelectual: ” Sempre soubemos que, a partir de 1915, os armênios foram vítimas de uma tentativa metódica de aniquilação. Em outras palavras, esta lei não tem relação com uma tentativa de estabelecer uma verdade de Estado. Nenhum representante da Assembleia Nacional Francesa se colocou como um substituto dos historiadores ou de seu trabalho. Juntos, os deputados, criaram condições legais para que se recorde estE simples direito do povo armênio. Isto não é uma iniciativa individual para ser atacada publicamente – e seu corolário, o direito de exigir reparação por essa ofensa particularmente ultrajante, que é o insulto

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *