Home Da Redação Assembleia francesa aprova lei que torna crime negar o genocídio armênio

Assembleia francesa aprova lei que torna crime negar o genocídio armênio

4

Por John Irish via UOL

PARIS (Reuters) – A Assembleia francesa – a câmara baixa do Parlamento – aprovou uma proposta de lei nesta quinta-feira que torna crime negar o genocídio, o que inclui a matança de armênios por turcos otomanos em 1915, medida que pode prejudicar as relações diplomáticas e comerciais entre a Turquia e a França.

Logo depois da aprovação da legislação, uma autoridade turca anunciou que a Turquia estava retirando seu embaixador da França em protesto contra a medida.

Milhares de turcos e franceses de origem turca se manifestaram no centro de Paris horas antes da votação do projeto, que agora será enviado ao Senado, para ser debatido em 2012. Os defensores da medida esperam que seja adotada antes que o Parlamento entre em férias no final de fevereiro, antes das eleições presidenciais.

Tensões aumentaram entre a França e a Turquia na semana passada por conta do projeto, apresentado por membros do partido do presidente Nicolas Sarkozy.

O primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan, escreveu uma carta a Sarkozy na semana passada, alertando que as relações políticas e econômicas sofreriam graves consequências se a lei fosse aprovada.

“Eu não entendo por que a França quer censurar a liberdade de expressão”, disse o presidente da associação Montargis, Yildiz Hamza, entidade que representa 700 famílias turcas na França, falando

Comment(4)

  1. Acho que o site poderia incluir suas opiniões nas matérias, eu gostaria de ver uma opinião possoal sobre o assunto. Me interessei recentemente pela hitória Armênia.

    Um abraço e parabéns pelo projeto.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *