Home Da Redação Educação nas escolas sobre os Genocídios em Rhode Island

Educação nas escolas sobre os Genocídios em Rhode Island

0

Asbarez;News.AM;Armenpress

O estado da Rhode Island ou Ilha de Rhodes é o menor estado em área dos Estados Unidos. A Assembleia Geral de Rhode Island aprovou um projeto dirigido à Secretaria Estadual de Educação para ajudar as escolas a ensinar os alunos sobre o Genocídio.

Segundo a nova legislação, o Departamento de Educação do Estado seria obrigado a postar em seu site matérias curriculares que lidem com Genocídios, incluindo o Holocausto e os da Arménia, Camboja, Darfur, Iraque e Ruanda.

O projeto é patrocinado pelo deputado estadual Anastasia P. Williams e o senador estadual Joshua Miller de Warwick. Williams chamou os eventos de violações dos direitos humanos por parte dos governos, “capítulos feio da história”, mas
disse que os estudantes devem aprender sobre eles para evitar que erros sejam repetidos.

O senador Miller disse: “Um dos objetivos da educação pública é levantar novas gerações de cidadãos bem informados e responsáveis que entendem do governo. É fundamental que os alunos aprendam que, às vezes os governos têm feito coisa errada, não apenas pisoteando os direitos das minorias, mas a tentativa de eliminar raças inteiras ou culturas. Fazer currículos sobre o Genocídio disponíveis online para os professores de Rhode Island vai fazer com que seja mais provável que os alunos aprendam sobre estes assuntos, que tiveram efeitos profundos e duradouros sobre o mundo em que vivem.”

A Assembléia Geral em 2000 já havia aprovado uma lei exigindo que o Departamento de Educação desenvolvesse material didático sobre o Genocídio e os direitos humanos e as orientações de como ensiná-los.

O projeto da Câmara (2011-H 5732 A) foi aprovado na Assembleia ontem e será encaminhado ao governador. O projeto do Senado (2011-S 0290A) foi aprovado na Assembléia 31 de maio e foi transmitida ao governador.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *