Home Da Redação NerUzh e o boom das Startups na Armênia

NerUzh e o boom das Startups na Armênia

A Armênia tem aumentado exponencialmente os investimentos e incentivos para criação de startups no país. Desde o ano passado tivemos dezenas de eventos do setor sediados na Armênia e centenas de anúncios de novos projetos, o que já garantiu ao país apelidos como o de ‘Silicon Valley do Cáucaso’.

O movimento de Startups, que começou impulsionado com a criação de blockchains (a base das criptomoedas) em 2018, tem impulsionado a economia armênia e freado o movimento de êxodo de jovens para a Europa.

Ainda esta semana tivemos o anúncio do lançamento do HyeConnect, uma rede social co-criada pelo vocalista do System of a Down, Serj Tankian, para “conectar todos os armênios do mundo todo, à medida que buscam construir parcerias, lançar novos negócios e colaborar em projetos que beneficiem o país e seu povo”.

Outro envento marcado para acontecer ainda este ano é o NerUzh 2.0. Focado em incentivos para Startups da diáspora, é um programa do Escritório do Alto Comissariado para Assuntos da Diáspora da República da Armênia e do Ministério da Indústria de Alta Tecnologia.

“NerUzh (ՆերՈւժ) é a palavra armênia para potencial, e o Programa de Inicialização da Diáspora Neruzh visa trazer o vasto potencial da diáspora armênia (7 milhões de pessoas que vivem fora da Armênia em países de todo o mundo) para participar do avanço da Armênia, fundando sua startup no país.” segundo o site oficial.

Os empresários da diáspora de ascendência armênia são convidados a se inscrever com sua startup. As equipes vencedoras serão convidadas a se repatriar para a Armênia e receberão incentivos que variam de US $15.000 a US $30.000 mais apoio empresarial para aumentar seus empreendimentos no país.

O lançamento do programa ocorrerá na cidade armênia de Dilijan com um evento de 4 dias de 16 a 20 de dezembro de 2019 na UWC Dilijan.

As inscrições se encerram no próximo dis 21 de Outubro e os requisitos para se aplicar você encontra no site oficial e página do Facebook.

Deixe um comentário