Home Da Redação “Vamos forçar a Tuquia a prestar contas do genocídio de 1915”, diz Roni Margulies no Twitter

“Vamos forçar a Tuquia a prestar contas do genocídio de 1915”, diz Roni Margulies no Twitter

0

News.am – 

Em sua conta no Twitter, Roni Margulies, o colunista judeu do jornal Taraf da Turquia, escreveu que vai obrigar as autoridades turcas a responder pelo Genocídio.

67542594afea136d3ddbce69d8b6d589db2775bf

“Trinta mil pessoas viviam em Diyarbakir em 1890. Cerca de dez mil delas eram muçulmanas, dez mil era armênias e o restante era cristãos e judeus. Então alguma coisa aconteceu, e agora todos em Diyarbakir são muçulmanos. Toda vez que eu venho pra Diyarbakir eu penso em quem vai responder por esses [últimos] 90-100 anos.

Nós vamos forçar as autoridades turcas a prestarem contas pelo Genocídio, o deslocamento forçado, a dor e o sofrimento. Eu não disse que o estado vai prestar contas. Eu estou dizendo que nós vamos obrigá-los a prestar as contas por tudo isso”

Roni Margulies nasceu em Istambul em 1955 onde estudou na Escola Superior Inglesa para Meninos. Ele se mudou para Londres em 1972 para fazer faculdade e desde então divide seu tempo entre o Reino Unido e a Turquia. Embora tenha PhD em Economia nunca trabalhou na área. Ele publicou oito livros de poesia além de traduções de poetas famosos para o turco.

Margulies é lider do partido socialista na Turquia e um proeminente escritor no jornal Taraf. Seu livro mais conhecido é “O coração do mundo sem coração”. Margulies escreve sobre vários assuntos, entre eles as lutas de islamistas e dos palestinos.

Veja abaixo os posts retirados do Twitter do escritor:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *