100 profissionais da diáspora trabalharão para o governo armênio

0
0
Fontes :

A partir de setembro deste ano, 100 profissionais da diáspora de todo o mundo serão colocados em mais de 20 ministérios / escritórios diferentes na Armênia por um ano, segundo o Gabinete do Alto Comissário da diáspora.

Haroutune, formado pela Universidade de Harvard, Anahit, formada pela Sorbonne University e Aline, formada pela Liverpool University – todos com mestrado ou superior – estão entre os profissionais diáspora que irão para Armênia.

O programa iGorts – projetado, implementado e financiado pelo Alto Comissariado para Assuntos da Diáspora – é a primeira iniciativa de grande escala do tipo na história da do país.

Inicialmente o projeto teria apenas 20 vagas, mas devido ao alto volume de inscrições (mais de 800 aplicações foram recebidas) o programa foi expandido.

 

Deixe um comentário