Home Eventos 125 anos do Tashnagtsutiun com atrações internacionais no SAMA
0

125 anos do Tashnagtsutiun com atrações internacionais no SAMA

0

12193519_878075008955788_3322468341173156921_nO salão social do Clube Armênio vai receber a festa de aniversário de uma das mais importantes organizações da história contemporânea da Armênia. São os 125 anos de fundação do Hay Heghapoghagan Tashnagtsutiun (Federação Revolucionária Armênia) e que serão comemorados com almoço, no próximo dia 06 de Dezembro.

A festa contará com a presença do Presidente do CNA Mundial e Membro da Executiva Mundial da F.R.A, o companheiro Giro Manoyan, que virá diretamente de Yerevan para o evento.

A atração musical ficará por conta de Elie Berberian e banda vindos diretamente de Montreal, Canadá, em sua primeira apresentação no Brasil (biografias no final da página).

O Grupo de Danças Típicas Armênias “Kilikia”, do Hamazkayin Brasil, também se apresentará no evento.

O almoço vai confraternizar a comunidade armênia de São Paulo e reforçar os ideais do Tashnagtsutiun que até hoje dedica suas atividades para a melhoria da vida na Armênia e em Karabagh, além da defesa da armenidade na diáspora.

Desde sua fundação no ano de 1890, o partido Tashnagtsutiun se notabilizou pela sua popularidade e o engajamento de seus membros na luta de libertação do povo armênio, além de ter participado ativamente da construção da diaspora. Atualmente, o partido Tashnagtsutiun conta com 5 deputados que o representam na Assembleia Nacional da República da Armênia.

Quando a Armênia declarou a sua independência em 1918, depois de séculos de dominação, opressão e massacres, coube à Federação Revolucionária Armênia governar o país (fato que durou cerca de 2 anos) até a anexação da Armênia à União Soviética e a expulsão do partido das terras armênias.

A Primeira República foi o marco da história recente da nação e base para todos os armênios de ontem e hoje. O 28 de maio é a data onde comemoramos a vitória que veio dos campos de batalha de Pash-Aparan, Kharakilisse e Sardarabad que devolveram o que é mais importante para os armênios, a liberdade!

Os legendários heróis serão lembrados no festejo por meio das músicas patrióticas.

Valores:  Jovens: 50,00 | Individual: 100,00| Casal 160,00. Lembrando que estes valores são para a compra antecipada. Na porta os ingressos custarão 80,00 | 160,00 | 200,00 respectivamente.


Para convites, confirme sua presença no evento no facebook, no link www.facebook.com/events/1650124191913176


O evento é uma realização do Tro Gomidê de São Paulo da Federação Revolucionária Armênia.

Sobre Giro Manoyan:

0810manoyanCom origens no Kharberd (Kharpert, vila Yegheki) e Diyarbakir (Dikranagerd, Tigranakert), nascido em Beirute, no Líbano, Giro Manoyan estudou no colégio armênio Souren Khanamirian até 1976, quando se mudou com sua família para Montreal, no Canadá.

Se formou pela Malcolm Campbell High School, e também frequentou a Vanier College e a Universidade Concordia, onde estudou ciência política.

Na década de 1980 foi o Diretor Executivo do Comitê Nacional Armênio do Canadá. De 1989 a 1991, foi o assistente de edição, e 1991 a 1999, o editor do jornal semanal canadense-armênio Horizon.

Mudou-se para a Armênia em 1999. Desde 2001, é o Diretor do Secretariado Internacional (em armênio também conhecido como escritório Central Hai Tad) do Bureau da Federação Revolucionária Armênia – Tashnagtsutiun, em Yerevan.

 

Sobre o cantor Elie Berberian:

elie_berberian_artist_profileElie Berberian nasceu e foi criado em Beirute, no Líbano. Seu talento para cantar foi descoberto por seus pais em uma idade bem tenra.

Em 1992, quando tinha apenas 10 anos, Elie teve seu primeiro concerto e, assim, ele foi apresentado ao público armênio. Este foi o início de sua carreira de cantor de sucesso. Devido à grande demanda por mais apresentações, Elie realizou mais um show no final daquele ano e foi considerado “A criança milagre”. “

Mas o garoto prodígio teve que pausar a carreira para continuar sua educação. No ano de 2000, se graduou  na faculdade Levon e Sophia Hagopian, e depois frequentou o conservatório nacional libanes superior em busca de educação musical, além de realizar sessões de treinamento vocal com a Sra. Nona Manoyan.

Em 2002, em colaboração com a Associação Cultural Armênia Hamazkayin – filial Roupen Zartarian, Elie produziu seu primeiro CD de canções folclóricas armênias.

Em 2004, Elie Berberian ganhou o título de “Melhor Talento Descoberto” em um concurso organizado pela “Vanatsayn” a estação de radiodifusão armênia no Líbano.

Em 2006, Elie foi convidado a se apresentar em Montreal, no Canadá, local que escolheu para viver e alcançar sua educação musical como um tenor, na McGill University de Montreal, pelo maestro Stefano Algieri.

 

 

 

Armen Kevork Pamboukdjian Editor-chefe e redator do Estação Armênia. Nascido na capital Paulista, é formado em jornalismo pela Universidade Nove de Julho, em skate pela faculdade das ruas e em causa armênia pela universidade da luta e resistência.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *