Home Esportes Seleção de Futebol da Armênia Rumo à Rússia?

Seleção de Futebol da Armênia Rumo à Rússia?

0

Análise de Matheus Mekhitarian

Conforme noticiamos em nossa página do Facebook, sábado passado (25), foram sorteados os grupos das Eliminatórias Européias para a Copa do Mundo de 2018, que acontecerá na Rússia. E parece que finalmente a sorte esta do nosso lado, a Armênia está no grupo” E” que conta com a Romênia como cabeça de chave, além de Polônia, Dinamarca, Montenegro e Cazaquistão.

A Europa tem direito a 13 vagas diretas na Copa do Mundo. Nove (9) delas são destinadas aos primeiros colocados de cada grupo, enquanto outras quatro saem da repescagem. Os participantes dos playoffs finais são os oito melhores segundos colocados na primeira fase.

No grupo da Armênia, a cabeça de chave Romênia ocupa a 8º posição no Ranking da FIFA, a Dinamarca a 24º, a Polônia o 30º, Montenegro 81º, Cazaquistão em 142º e a Armênia ocupa a 89º posição.


Imagem Via Amazing Armenians

Mesmo estando à frente apenas da fraca seleção do Cazaquistão no Ranking, acredito que demos sorte em comparação com os grupos das últimas eliminatórias em que enfrentamos tradicionais potencias do futebol Europeu como Espanha (2010) e Itália (2014), além de outros fortes concorrentes como República Tcheca, Bósnia e Herzegovina, Bulgária e Bélgica.

Nas últimas eliminatórias, nossa seleção enfrentou o equilibrado grupo “B” que continha Itália, Dinamarca, República Tcheca, Bulgária, Armênia e Malta. Embora tenha ocupado apenas a penúltima colocação do grupo, ela obteve 13 pontos, enquanto a segunda colocada Dinamarca tinha apenas 3 pontos a mais.

Talvez, a história teria sido diferente caso nossa seleção aproveitasse a força da torcida e não decepcionasse em casa. Como fez perdendo para a Itália em casa, para República Tcheca, para Dinamarca e para a fraquíssima seleção de Malta. Jogando fora de casa, empatamos com a Itália, ganhamos da República Tcheca, goleamos a Dinamarca, e ganhamos de Malta. Que sirva de lição agora nessa nova jornada, que teoricamente, está mais simples (clique aqui e veja como foi a campanha).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *