Home Cultura Conheça Yeran – Culinária Armênia
4

Yeran – Culinária Armênia

0
4

Yeran-antigaA sala de uma casa no bairro do Jardim São Paulo (foto à esquerda), na zona norte da capital paulista, era o lugar onde às quintas e sábados alguns poucos sortudos podiam provar de um delicioso almoço típico da culinária Armênia. Era a casa da Yeran, ou melhor, como era conhecido, o “Almoço da Yeran“.

Yeran trata-se de ninguém menos do que Yeran Garabedian Habib, filha de armênios nascida em Aleppo, na Síria. Ela também é esposa e mãe de uma família muito querida e presente na coletividade armênia de São Paulo. 

O almoço servido por Yeran era só para amigos, mas pouco a pouco começou a receber também amigos dos amigos. Nessa transição e novo contexto, Yeran e sua família decidiram que era a hora de profissionalizar a coisa e abrir um restaurante. Um restaurante aberto à todos interessados em provar as delícias da culinária Armênia e que Yeran magnificamente bem com uma pitada de influência síria. 

Yeran restauranteO restaurante “Yeran – Culinária Armênia” tornou-se realidade em dezembro de 2014 (foto à direita) e está localizado no bairro de Santana, também na zona norte da cidade.

A casa oferece um grande leque de opções em seu cardápio, que conta com as mais variadas pastas, além de esfihas, quibe cru e frito, charutos de folha de uva, além do famoso Bastermá e o Mantã, incluindo muitas outras delicias, sem falar nos doces sírios tradicionais.

Ah, e o salão, bem mais amplo, ainda remete àquele ambiente familiar e aconchegante de quando eram servidos os almoços às quintas e sábados na casa do Jardim São Paulo.

Clique aqui e visite a página no Facebook.

Veja o endereço abaixo, após a galeria de fotos:

Yeran – Culinária Armênia
Rua Maria Curupaiti, 355 – Santana, São Paulo.
Telefones: (11) 2971-0982 / (11) 29710983

Informações: Almoço de segunda à sabado das 12 às 15 horas (por quilo).
Jantar de terça à sabado das 19 às 22 horas (à la carte).

 

Armen Kevork Pamboukdjian Editor-chefe e redator do site Estação Armênia. Nascido na capital paulista, é formado em Jornalismo pela Universidade Nove de Julho, em skate pela faculdade das ruas e em causa armênia pela escola da luta e resistência.

Comment(4)

  1. Falou merda! Se misturam não por falta de honestidade como você colocou… Se misturam por razões históricas mesmo! Pois muitos armênios se refugiaram em países árabes por causa do Genocidio, países como a Síria e o Líbano, onde os armênios sempre se deram muito bem com a população, respeitando costumes das culturas desses lugares! Desta forma, a culinária árabe influenciou a Arménia! Porém, pela facilidade de preparo e consumo a culinária árabe em alguns restaurantes se fez mais presente! Mas isso vai de lugar pra lugar! Tem que ler antes de falar!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *