Home Entrevistas Hayr Nareg Berberian concede entrevista ao Portal Estação Armênia
0

Hayr Nareg Berberian concede entrevista ao Portal Estação Armênia

0

Em agosto deste ano, o Hayr Sourp Nareg Berberian chegou à Diocese da Igreja Apostólica Armênia do Brasil vindo da comunidade de Boca Raton, localizada na Flórida, EUA, onde serviu de maneira brilhante aos fiéis.

Nareg na festa do Tashnagtsutiun
Hayr Nareg durante a comemoração dos 123 anos do HOHITA em São Paulo

Hayr Nareg foi sugerido especialmente por S.S. Catholicós Karekin II para atuar como assessor do Primaz Datev Karibian. Passados poucos meses, Nareg se familiarizou com a coletividade armênia de São Paulo e encabeça o recrutamento de fieis para o Coral da igreja, além de ser encarregado pela formação do JIAB, associação que reúne jovens para a Juventude da Igreja Armênia do Brasil.

Abaixo nosso leitor confere a entrevista com Hayr Nareg, concedida ao colunista do Portal Estação Armênia, James Onnig Tamdjian.

Portal Estação Armênia: Antes de tudo em nome da equipe do Portal Estação Armênia, seja bem vindo Hayr Nareg. Para começar a nossa entrevista, gostaria de saber quais foram suas primeiras impressões sobre a nossa comunidade?

Hayr Nareg Berberian: Primeiro de tudo, gostaria de agradecer ao Portal Estação Armênia por esta oportunidade. Já se passaram quatro meses desde a minha chegada ao Brasil e a cidade de São Paulo. Acho que os armênios no Brasil são muito hospitaleiros, respeitosos, amigáveis e sempre dispostos a ajudar.  

Portal Estação Armênia:  Hayr Nareg, qual é o papel da Igreja, especialmente a Igreja Apostólica Armênia, tem hoje na diáspora?

Hayr Nareg Berberian: A Igreja Apostólica Armênia tem um papel importante na diáspora e podemos resumi-lo em sua missão. Qual é a missão da nossa Igreja? A missão da Igreja Apostólica Armênia é pregar o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo e proclamar a sua mensagem de salvação. Esta missão é realizada através da devoção, educação, testemunho, dedicação e vida comum em Cristo, como expresso na experiência de fé do povo armênio. Todos os membros da Igreja Armênia, tanto os leigos quanto o clero são chamados a participar plenamente dessa missão.  

1422686_10202185331970067_882183160_nPortal Estação Armênia: A construção de uma “ponte entre Armênia e diáspora” é uma obrigação de todos nós. Na sua opinião, qual vai ser o papel da Diáspora nas próximas décadas?

Hayr Nareg Berberian: Armênia é a nossa Pátria e é nosso dever sagrado zelar para que ela continue a prosperar como um estado independente. A união entre os armênios da diáspora irá fortalecer a nossa Pátria e as próprias comunidades armênias da diáspora.

A construção da ” ponte ” deve ser uma obrigação de todos. Todos nós devemos ser participantes. Devemos fazer Armênia viva através de nós e em nós. A ” construção da ponte ” em nossa comunidade deve despertar em nosso povo o sentimento de pertencimento à comunidade armênia e fortalecer a nossa fé e identidade. Todos nós temos uma tarefa difícil na realização desse objetivo . Deve haver uma forte ligação entre a Armênia e os armênios no Brasil.

– Como podemos criar esse link?

Podemos fazê-lo através do ministério da Igreja e com o apoio das organizações armênias locais. Há muitas maneiras de ” construir a ponte”.  Uma delas é assumir um papel ativo no ministério da Igreja Apostólica Armênia do Brasil. Fazermos peregrinações para a Armênia  e levar os armênios do Brasil é uma outra maneira de fortalecer essa “ponte “, especialmente para a juventude. Devem haver mais incentivo aos projetos especiais , no modelo de “Programas de Voluntariado na Armênia ” para que a nossa juventude possa viajar para lá para oferecer seu tempo e talento em ajudar em vários projetos humanitários. Esses programas irão transformar seus corações e almas e eles vão voltar para casa energizado com forte fé e identidade. Esta é uma maneira perfeita de ” construir a ponte entre a Arménia e da Diáspora “.  

Portal Estação Armênia: Para encerrar nossa entrevista, peço que faça um chamado a juventude para que participem do encontro do próximo sábado.

Hayr Nareg Berberian:  É o meu desejo de ver a juventude armênia ativa na Igreja Armênia do Brasil, porque eles são os líderes de nossa Igreja amanhã. Minha primeira tarefa desde a minha chegada a São Paulo foi para formar a JIAB(Juventude da Igreja Apostólica Armênia do Brasil). Com a ajuda de Der Yeznig e Der Boghos, formamos um Conselho Central da Juventude e tivemos numerosas reuniões para organizar atividades para jovens. Estou muito orgulhoso dos membros. Eles são jovens, moças e moços talentosos. Decidimos realizar um encontro seguido de uma grande festa para apresentar nossos programas e para conhecer ainda mais a juventude armênia do Brasil. Hoje, faço um apelo aos jovens do Brasil, especialmente aos maiores de 18 anos para que façam todo o esforço para participar da reunião e da festa para que você possa compartilhar a sua opinião no processo  “construção” do nosso grupo de jovens. Vamos construir esta ponte entre você e a Igreja. Precisamos estar em conexão. Queremos saber sua visão, suas ideias, sua opinião e sua participação. Venha neste sábado expor seus pensamentos  e desfrutar da companhia de seus irmãos e irmãs na festa (clique aqui para saber mais).

James Onnig Tamdjian Professor de Geografia e Geopolítica. Fleumático, colérico, sanguíneo e melancólico.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *