Home Da Redação Parlamentares turcos discutem responsabilidade das mortes em 1915

Parlamentares turcos discutem responsabilidade das mortes em 1915

Via Public Radio of Armenia

Parlamentares turcos discutem acerca da responsabilidade sobre o genocídio armênio
Parlamentares turcos discutem acerca da responsabilidade sobre o genocídio armênio

Membros da Grande Assembleia Nacional da Turquia discutiram  sobre quem matou os armênios no Império Otomano em 1915, de acordo com o Armenian Weekly, com informações de jornais turcos.

“A vossa história é uma história de massacres. Vocês sabem muito bem como os avós daqueles que lutam hoje foram mortos”, disse o parlamentar Sirri Sakik (Mush), do partido pró-curdo Paz e Democracia, de acordo com o jornal turco Radikal.

Na sequência, o parlamentar Yusuf Halacoglu,do Partido Movimento Nacionalista (MHP), se dirigiu a seguinte questão aos membros curdos da Assembleia Nacional: “então, me digam francamente – e eu, em troca, mostrarei a vocês documentos – quem matou os armênios?” Halacoglu é ex-diretor da Sociedade Histórica Turca.

Outros membros do parlamento lembraram os massacres cometidos contra os curdos, enquanto parlamentares do partido da situação, Justiça e Desenvolvimento (AKP), rebateram com o argumento que o grupo guerrilheiro curdo PKK (sic) é que tem cometido atrocidades na Turquia, e que não há genocídios na história turca. Nurettin Canikli, líder da bancada do AKP disse: “Não há massacre, genocídio e assimilação na história desta nação”.

Deixe um comentário